No fim das contas, quem está preocupado realmente com esse país? Por Tico Santa Cruz

No facebook de Tico Santa Cruz:

É verdade sim, minhas opiniões políticas nessa página importam mais do que o meu trabalho musical. A página do Detonautas Roque Clube tem mais de um milhão de seguidores e lá quem está, está apenas pela música.

Também é verdade sim que por conta da minha insistente defesa contra o impeachment, perdi muitos fãs, me tornei uma pessoa estigmatizada e até mal quista por muitos. Mas também é verdade que passei a ser admirado por outros que jamais se interessaram por mim ou pelo meu trabalho musical e amado por gente que não sabia quem eu era .

PUBLICIDADE

Só que eu sou músico! Quem paga minhas contas é minha música! O que eu amo fazer está relacionado a arte e como existe uma imaturidade GIGANTESCA em relação ao discernimento entre minha pessoa pública – Tico Santa Cruz, artista e CIDADÃO – e Tico Santa Cruz, vocalista do Detonautas – quem acabou se prejudicando foi o Detonautas!

Não por falta de público! Ao contrário, nosso público aumentou – porque acumulou uma parcela nova de pessoas que passaram a me acompanhar por conta dos meus posicionamentos e mantivemos a maioria dos fãs que sempre gostaram de nossas canções! Mas é verdade sim, que algumas portas foram fechadas, alguns contratantes passaram a evitar a banda por minha causa e alguns veículos de comunicação importantes passaram a ignorar nossas produções.

Mas fazer o que?

Muitos artistas que se omitiram ou que foram favoráveis a todo esse processo absurdo que destruiu nossa democracia e criou essa legião de monstrinhos que andam pelas redes sociais ofendendo tudo e todos que não concordam com eles, tentando censurar museus, peças de teatro, atacando ícones da música popular Brasileira, querendo associar a cultura a vagabundagem e a outros absurdos, invadindo palestras, queimando “bruxas” e “lutando pela moral, ética e pela família em nome de Deus e para proteger “nossas crianças”, agora estão sentindo na pele o que foi abrir a caixa de pandora dessa nação.

Com esses seres, não há diálogo, não há conversa, não há nada que se possa ser feito, porque foram tomados pelo pânico, pela histeria, pela hipnose de um perigoso comportamento que até a própria imprensa que participou e estimulou tudo isso que vivenciamos nos últimos anos já percebeu que algo saiu do controle. Essa gente… Esquece, precisam de intervenção psiquiátrica apenas.

Temos que evitar é que a uma parte ainda grande da sociedade que consegue raciocinar o MÍNIMO, perceba que estamos caminhando para um movimento perigoso. Alertá-los de que foram Manipulados e que agora precisam garantir que o processo democrático brasileiro retorne no ano de 2018.

Essa pauta MORAL que estamos assistindo por nossas redes sociais, é apenas uma maneira de convergir toda essa energia de ódio para um lugar qualquer, já que o papo da luta contra a corrupção FALIU.

Explico o porquê.

O MBL e adjacências são cúmplices desse governo bandido atual, então não vão liderar nenhuma manifestação contra todos os absurdos que estamos vendo, ouvindo e vivendo.

E ALGUNS setores ligados principalmente ao PT, querem mais é que Temer acabe com o país para que o povo sinta na pele todo este retrocesso e então creia que a volta de Lula seja a solução.

Logo as massas – tanto de “um lado” quando do “outro lado” – não são mobilizadas para que as ruas sejam tomadas e esse governo seja derrubado.

A esta altura do campeonato, com Temer já desmoralizado, o PSDB – ator principal através de AÉCIO NEVES – que agora todos sabem quem é – se afogando junto com o PMDB nessa lama e a formação de uma nova conjuntura para 2018, para a classe política de modo geral, principalmente a quem almeja o poder, retirar um presidente já não faz mais sentido. Deixa o crápula lá e vamos costurar nossas alianças e possibilidades para tomarmos o poder em 2018!

No fim das contas, quem está preocupado realmente com esse país? Com as pessoas desamparadas? Com os desempregados? Com as famílias que estão se desfazendo em meio à crise? Com as pessoas que estão se suicidando em meio ao desespero? Com as facções criminosas que cada dia ganham mais poder e assustam os cidadãos e cidadãs brasileiras com o avanço na criminalidade? Com os hospitais caindo aos pedaços, médicos, professores, servidores públicos, um monte de gente sem receber salários enquanto AS LIDERANÇAS estão se articulando para lutar pelo poder nas próximas eleições!!!

O Brasil melhorou depois do Impeachment?

O Governo que assumiu e seus aliados – incluindo os partidos que perderam as eleições – conseguiram erguer nossa nação?

Os corruptos foram todos presos? A corrupção acabou ou ficou evidente que está cada vez mais descarada?
Essa sucessão de erros e manobras as quais todos nós fomos submetidos no fim das contas serviu a quem?

Se você não foi contaminado completamente pelo ódio e consegue raciocinar o mínimo, mesmo que não concorde comigo na maioria das pautas, há de concordar que foi um FRACASSO COMPLETO todo esse movimento que foi perpetrado em nome da MENTIRA da “luta contra a corrupção”!

Ah mas a Dilma, o PT, os 13 anos que ficou no poder….

É meu amigo, minha amiga… Enquanto você consumia, viajava, comprava carro, casa, melhorava de vida, não pensou em nada disso. Quando a economia começou a desandar e a brecha foi dada para que todo esse processo fosse iniciado, infelizmente esse Congresso NOJENTO, e toda essa irresponsabilidade com nossas famílias e nossa indignação com a impunidade, acabou sendo usada para benefício daqueles que sempre comandaram esse país, inclusive quando o PT era governo.

Está na hora de começarmos a perceber que somos apenas peões nesse tabuleiro. Se quisermos mudar algo no ano que vem, precisamos pensar seriamente em que TIPO de congresso vamos montar e dessa gente que se apresentará como opção, quem realmente está mais preparado para reconduzir o Brasil para o crescimento.
Seja você de direita ou esquerda ou de nenhuma das duas, pense bem em qual será seu papel, para depois não ficar por aí histérico e cheio de medo!

Estou cada vez mais certo de que precisamos parar com essas discussões estéreis e rasas nas redes sociais e convergir para pessoas SÉRIAS – seja do expectro político a qual pertecem – e que queriam realmente trabalhar acima de tudo pelo desenvolvimento desse país e não só pelo PODER.

Uma vez por semana vou propor reflexões políticas, nos demais dias vou trabalhar minha música e minha banda, que é o que realmente vim fazer nesse planeta!

Se você chegou até aqui, lhe convido a estar comigo também para além da política!

Bom dia!

Fonte