Fracasso do sistema educacional e crise civilizatória, por Rita Coitinho

Hoje vou usar esse espaço para dizer algumas obviedades. Perdoe-me o leitor que espera de um portal de notícias as últimas novidades. Mas os tempos andam confusos – até meio bicudos, e isso não é um trocadilho com a triste figura do Direito – e vem sendo necessário repetir coisas já ditas, com a esperança de que isso possa ajudar a dissipar algumas nuvens que andam turvando o cenário nacional.
Refiro-me aos “escândalos” fabricados por um punhado de gente em razão de algumas exposições e performances artísticas. Criticados por irem contra a liberdade de expressão e de criação artística, os revoltosos – e até aqueles que não participaram das “ações”, mas querem emitir uma opinião “ponderada” – converteram-se em críticos instantâneos e passam agora à ofensiva: eles decidem, no grito, o que é ou não é “arte” ou o que é ou não é merecedor de ser exposto em um museu.
Continue lendo

Morte do reitor Cancellier provoca luto e indignação em Santa Catarina

A trágica morte do professor Luiz Carlos Cancellier, reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), causou profunda indignação e uma grande comoção no estado. O governo estadual e a reitoria da UFSC decretaram luto oficial e diversas entidades emitiram notas de pesar.

Foto: Divulgação

 A trajetória do professor Cancellier foi destacada por diversas instituições A trajetória do professor Cancellier foi destacada por diversas instituições

Uma das manifestações mais veementes foi da seção estadual da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SC) que, ao manifestar seu profundo pesar pela morte do reitor, afirmou ainda que “é chegada a hora da sociedade brasileira e da comunidade jurídica debaterem seriamente a forma espetacular e midiática como são realizadas as prisões provisórias no Brasil, antes sequer da ouvida dos envolvidos, que dirá sua defesa”. Para a entidades dos advogados “reputações construídas duramente ao longo de anos de trabalho e sacrifícios podem ser completamente destruídas numa única manchete de jorna”. Para a OAB-SC pessoas inocentes sofrem um prejuízo é irreparável, cabendo-lhes a vergonha, a dor, o sentimento de injustiça. “O peso destes sentimentos pode ser insuportável”, enfatiza a nota dos advogados.
Continue lendo

Meta fiscal x meta de educação — uma questão de prioridade (por Alessandra Gotti)

A notícia do veto à prioridade atribuída às metas do Plano Nacional de Educação (PNE) na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2018, que prevê as linhas mestras da atuação da administração pública federal, foi recebida com indignação.

Continue lendo

Dermerval Saviani: “Escola sem Partido”: o que isso significa? (do Vermelho)

Retirado do Portal Vermelho

No Brasil o atual governo, resultado de um golpe parlamentar, vem tomando várias iniciativas na direção do abastardamento da educação. A par de medidas como cortes no orçamento, destituição e nomeação de membros do Conselho Nacional de Educação sem consulta, um sinal emblemático da intervenção nos próprios conteúdos e na forma de funcionamento do ensino é o movimento denominado “Escola sem partido” que se apresenta na forma de projetos de lei na Câmara dos Deputados, no Senado Federal e em várias Assembleias Estaduais e Câmaras Municipais do país.

Continue lendo