Plano Popular de Emergência (por Roberto Amaral)

Crédito: Reprodução Paulo Pinto/Agência PT

A Frente Brasil Popular apresenta suas propostas para restabelecer a ordem constitucional democrática, defender a soberania nacional, enfrentar a crise econômica, reverter o desmonte do Estado e salvar as conquistas históricas do povo trabalhador.

Continue lendo

Saída para crise está na conscientização e mobilização política do povo, afirma Sorrentino

O governo Temer acabou e a saída para a crise está na forte conscientização e mobilização política do povo. A afirmativa é de Walter Sorrentino, que lançou ontem em Natal o livro “Anos que vivemos em perigo – A Crise Brasileira”, na estreia do Projeto “Diálogos”. Uma realização do ADURN-Sindicato e da Cooperativa Cultural da Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

Continue lendo

Movimentos sociais vivem dilemas na luta contra o neoliberalismo (por Walter Sorrentino)

Na 2ª conferência nacional da Frente Brasil Popular eu indagava a quem serviu precisamente as demarcações produzidas no âmbito do Fórum Social Mundial entre movimentos sociais, partidos políticos e ONGs. Travava-se ali uma disputa de hegemonia que ficou à margem com as vitórias progressistas no Brasil e grande parte da América do Sul.

Emir Sader vai ao ponto nesse tema, neste pequeno artigo. Continue lendo

Walter Sorrentino: “Temos que tirar lições do que passou”

16_12_09_sorrentino_sorrentino_plenaria

Vivemos a implementação de nova ordem política cultural que leva ao desmanche da Constituição de 1988, a norma democrática, os direitos e deveres do cidadão e o próprio pacto federativo. Continue lendo

Unidade: nossa principal arma contra o golpe, por Ricardo Gebrim

contra-o-golpe

Gebrim: “A luta contra o golpe e sua nova ofensiva neoliberal será longa. É hora de jogar energias na retomada do funcionamento da Frente Brasil Popular” / Arquivo pessoal

A classe dominante aposta na permanente fragmentação das forças populares. Ao longo do enfrentamento ao cerco político conservador que produziu o golpe contra a presidenta Dilma, nossa maior conquista organizativa foi a Frente Brasil Popular.  Mais uma vez, a atual geração de lutadores pôde comprovar o ensinamento de que a unidade é mais poderosa arma de um povo em luta.  Essa geração constatou que os meios de comunicação têm consciência do perigo que representa a unificação nacional das lutas. Que juntos não dispersamos energias e potencializamos nossa força.

Continue lendo