Quais são as divisões no campo golpista? (por Armando Boito Jr)

Retirado do portal Brasil de Fato

Está claro para todos que o campo golpista está dividido. Nas últimas semanas o que temos visto é o agravamento do conflito entre, de um lado, aqueles que defendem a manutenção de Michel Temer na Presidência e, de outro, aqueles que propugnam a realização de uma eleição indireta para substituí-lo. Entre essas duas posições há uma gama de posições centristas daqueles que hesitam, pendendo ora para um lado, ora para outro.

Continue lendo

Flávio Dino: “Quando um julgamento independe de provas, você rompe com o Estado de Direito”

Retirado do portal Revista Fórum

Em entrevista exclusiva ao editor da Fórum, Renato Rovai, o governador do Maranhão teceu críticas à condução da operação Lava Jato, defendeu a soberania popular e a convocação de eleições diretas e disse acreditar que o eixo para reorganizar o estado brasileiro gira em torno do ex-presidente Lula. Confira a íntegra.

Continue lendo

Por um novo pacto político e social para o Brasil! (Por Juca Ferreira)

Foto/Reprodução: Mídia Ninja

A legalidade vem sendo desrespeitada pelos que deveriam garantir o império das leis. Defender o estado de direito deve ser um dos centros da atuação política da sociedade brasileira nesse momento. Fora da democracia não há saída nem futuro.

Continue lendo

“Um ano de retrocessos e perda de prestígio do Brasil no mundo”: especialistas estrangeiros analisam o 1º aniversário do golpe (por Diario do Centro do Mundo)

Publicado na DW.

Há um ano, o presidente Michel Temer assumiu o cargo interinamente após o Senado ratificar o afastamento temporário de Dilma Rousseff. Na cerimônia de posse, Temer falou em “pacificar a nação” e “unificar o Brasil” e enfatizou que era urgente formar um governo de “salvação nacional”. Na ocasião, também aproveitou para anunciar os nomes de seus novos ministros. Ele também citou uma frase que viu em um outdoor: “Não fale em crise, trabalhe.”

Continue lendo