Outubro Rosa reforça defesa do SUS, Por Alice Portugal

 

O Outubro Rosa, que ilumina os prédios públicos em Brasília, tornou-se ainda mais estratégico em 2017 no momento em que a luta em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS) está na ordem do dia diante das ameaças governamentais de extermínio.

É a primeira vez que a campanha de prevenção de câncer de mama acontece sob a égide de um golpe institucional que foi dado contra a presidenta Dilma Rousseff em 2016. Desde que tomou a cadeira presidencial de forma ilegítima, Michel Temer age para desmontar velozmente a estrutura de saúde pública arduamente construída nas últimas décadas no Brasil. Continue lendo