Saídas e Perspectivas para o Brasil (por Walter Sorrentino)

A Revista Princípios publicou na sua última edição texto de minha autoria em que aponto como principal desafio do 14° congresso do PCdoB a busca de alternativas para a retomada do crescimento econômico sob democracia e progresso social. Acredito que este seja um debate fundamental para os comunistas e para todos os brasileiros, por isso o público também aqui no blog. O link da revista está aqui.

Continue lendo

Mensaje de homenaje a Patricio Echegaray (por Walter Sorrentino)

Na foto acima, à minha direita o representante do PC Uruguaio, à esquerda o do PC Chile e por último Viktor Kot, Secretário Geral do PC da Argentina. No ato em homenagem à memória, luta e obra de Patrício Echegaray, presidente do PC da Argentina, que teve com o PCdoB relações próximas e amizade. A hospitalidade e as relações fraternas com que fomos recebidos são o testemunho da luta em comum entre os comunistas internacionalistas argentinos e brasileiros. Na ocasião, li a mensagem enviada pelo PCdoB aos camaradas argentinos e os familiares de Patrício.

Continue lendo

Mensagem aos presentes no encontro Pensamento Político de Gramsci: Hegemonia e Luta de Classes (por Walter Sorrentino)

A Fundação Maurício Grabois realizou ontem, um concorrido debate com o filósofo italiano Gianni Fresu. Em função da homenagem póstuma ao querido camarada Patrício Echegaray, Presidente do Partido Comunista Argentino, estou na capital porteña e não pude participar desse debate. Por esse motivo, publico o texto que pedi que fosse lido para os presentes.

Continue lendo

Partido Comunista: que partido, para quê? (por Walter Sorrentino)

No livro Lenin – Presença da Revolução, editado pela Sociedade Amigos de Lênin da Fundação Maurício Grabois, há um ensaio de minha autoria recolhendo reflexões teórico-políticas sobre o partido comunista, sob a perspectiva de Lênin atualizado. Esse livro tem um alto valor em todos os temas tratados, sempre sobre a obra e práxis de Lênin. Apresento aqui o ensaio.

Continue lendo

Unidade e diversidade num projeto de nação (por Walter Sorrentino)

Em 2003, na Itália, num dos congressos do Partido da Refundação Comunista Bertinotti discursava em favor dos movimentos como estratégia política renovadora: o “movimentismo”. Dizia ele que os comunistas levavam “chumbo sobre as asas”. Ao meu lado, um operário maduro comentou com o camarada ao lado: “se ele insiste tanto em movimentos, porque não fala principalmente do movimento dos trabalhadores?” – uma bela ironia.

Continue lendo